Entenda a importância de criar logotipo para sua empresa

Você sabia que criar logotipo é um processo fundamental para a estratégia de posicionamento da marca no mercado? 

O logo é parte da porta de entrada da empresa, junto com os demais elementos da marca e auxilia na conexão com os clientes e em como a empresa será percebida.  

Neste artigo, você vai conhecer as principais informações sobre como criar logotipo, o investimento que deve ser feito e a importância de se registrar o logotipo junto ao INPI.  

A importância do logotipo e a relação com branding e posicionamento de marca 

Negócios que querem se destacar no mercado buscam criar uma marca forte e que mostre, à primeira vista, o que a empresa representa.  

E um dos elementos que compõem a marca é o logotipo, que é a representação gráfica da marca. Assim como o processo de criação de uma marca, conhecido como naming, é muito importante, o investimento na criação do logotipo também deve ser feito com pesquisa e conhecimento. 

Os elementos que compõem a marca auxiliam a empresa no branding que, de forma geral, diz respeito ao posicionamento da marca no mercado, a forma como ela é percebida pelos clientes, fornecedores e concorrentes. 

Com as estratégias de branding, a empresa consegue criar conexões e despertar sensações que farão com que a marca seja lembrada e procurada. E criar logotipo é uma decisão que interfere diretamente nesse propósito. 

Saiba a diferença entre símbolo, logotipo e logomarca 

É muito comum que haja dúvidas sobre os conceitos que envolvem a marca e sua representação. Logotipo, logomarca e símbolo, por exemplo, podem parecer palavras similares, que dizem respeito a um mesmo conceito, mas não é bem assim. 

É importante saber diferenciá-las, até mesmo para entender seu papel e sua importância no processo de criação da marca da empresa. 

Para ajudar você a enxergar, na prática, as explicações, vamos usar como exemplo a Nestlé.  

  • Símbolo: é o desenho que a marca escolheu para representá-la. No caso da Nestlé, o símbolo é um galho de árvore que sustenta um ninho com três passarinhos, a mãe e dois filhotes; 
Nestle Logo | Significado, História e PNG
  • Logotipo: é a parte escrita, mas de forma estilizada. É a forma como a empresa escolheu escrever o nome, com o tipo de letra, as cores, a fonte e até os detalhes. No caso da Nestlé, o acento agudo no E, por exemplo, é um traço na horizontal; 

Font-of-the-Nestle-Logo - Clinicarx
  • Logomarca: há no mercado publicitário um debate sobre qual de fato é o conceito de logomarca. Muitos profissionais, inclusive, consideram que esse conceito nem existe. De toda forma, há uma definição de logomarca, que é a junção do símbolo ao logotipo, ou seja, a representação gráfica da marca envolvendo tudo o que há nela. No exemplo avaliado, seria a junção da palavra Nestlé® ao símbolo do ninho. 

Nestle Logo | Significado, História e PNG

Entenda como é o processo para criar logotipo 

Antes de tudo, é importante ter em mente que o processo para criar logotipo demanda tempo, estudo e conhecimento profissional. 

Afinal, esse processo resultará na representação da sua empresa. É a porta de entrada para o mercado e para seus clientes, a melhor forma de criar conexão com seu público

Para conduzir esse processo da melhor maneira, veja abaixo as principais dicas: 

Conte com um profissional qualificado 

Essa é uma das dicas mais importantes no processo de criar logotipo. Isso porque, como já mencionado, trata-se de uma tarefa que envolve decisões técnicas, cujo conhecimento vem de um profissional, geralmente designers e publicitários. 

Por mais que hoje existam softwares e plataformas que auxiliam na criação do logotipo, como o Canva, por exemplo, contar com a orientação de um profissional garantirá que você tenha o resultado esperado e fuja de um aspecto amador. 

Assim, abaixo, estão os processos que serão conduzidos pelo profissional contratado:   

  • pesquisar as tendências do mercado relacionadas à área do cliente; 
  • criar esboços; 
  • iniciar a digitalização do que foi criado; 
  • escolher a tipografia do logo, ou seja, o tipo de fonte das letras; 
  • desenhar o símbolo; 
  • definir as cores; 
  • testar diferentes aplicações do logo, como vertical e horizontal, fundos claro e escuro; 
  • criar um manual de marca, documento que vai definir os padrões de aplicação da sua marca, para que ela não sofra alterações; 
  • apresentar a proposta para o cliente e, se for o caso, realizar alterações e ajustes. 

É importante ter em mente, porém, que todas as etapas anteriores começarão a ser colocadas em prática após o profissional entender exatamente o que o cliente busca. Assim, antes do início da criação do logo em si, você deverá passar por outras etapas, como:  

Saiba quem é a sua persona

persona é um personagem fictício criado para tentar entender o que pensa o seu público, o que ele deseja e quais problemas quer resolver, até chegar a comprar o seu produto. Ele é criado considerando informações como gênero, idade, estilo de vida, comportamento de compra, dentre outras variáveis. 

Conheça seus concorrentes 

Entender como agem e o que oferecem os concorrentes é uma maneira de tentar superá-los e se diferenciar deles. Faça um levantamento dos seus concorrentes diretos e indiretos e conheça um pouco sobre eles. 

Saiba exatamente qual a mensagem que quer passar 

Ao querer criar logotipo para sua empresa, você precisa listar aquilo que quer passar ao mercado. Identificar a mensagem que quer passar será fundamental para criar toda a sua identidade visual. 

Reunião de briefing 

Após levantar tudo o que precisa, é o momento de realizar um encontro com o profissional ou equipe que vai criar o logotipo. É nesse momento, inclusive, que pode ser feito um brainstorming, ou seja, uma chuva de ideias espontâneas que tratarão de assuntos sobre posicionamento da marca, cores, estilos, símbolos e tipos de logo que poderiam ser criados.  

Com base nessas informações, o profissional terá uma base completa para criar logotipo. 

Veja os custos médios para criar logotipo 

Como você já sabe, contar com um profissional é a escolha mais acertada para conseguir criar um logotipo ideal e que de fato representará o seu negócio. 

Para isso, é necessário realizar um investimento, afinal, o profissional possui todo o conhecimento. O valor investido pode variar, principalmente dependendo do tipo de serviço que será prestado, o que estará contemplado e até mesmo se será feito por um profissional autônomo ou uma agência com uma equipe completa. 

De acordo com levantamento feito pelo site Crono Share, em 2021, para criar um logotipo, o interessado deverá desembolsar um valor que varia de R$ 600 a R$ 1.500. 

Outra dica é realizar uma pesquisa de mercado, solicitar orçamentos e levantar aqueles profissionais que produzem um trabalho que você goste. Geralmente, é possível ver o portfólio em sites ou redes sociais.  

Como registrar um logotipo 

Toda empresa que possui um negócio legal e em atividade pode registar sua marca no Instituto Nacional da Propriedade Industrial – INPI, órgão do governo federal que é responsável pela proteção das marcas no Brasil. O registro garante, entre outras vantagens, a exclusividade de uso de um nome em todo território nacional.   

No entanto, quando se pensa em registro de marca, costuma-se atrelar ao registro do nome. Mas é possível registrar não apenas o nome, mas também registrar logotipos e símbolos, por exemplo.  

De acordo com o INPI existem alguns tipos de marcas que ajudam a definir como será o registro. São eles: 

  • Marca mista: pode ser composta por um elemento figurativo e nominativo (imagem + texto); 
  • Marca figurativa: representada somente por um elemento gráfico, sem elementos nominativos; 
  • Marca nominativa: diz respeito somente ao nome de uma marca, ou seja, sem a presença de um elemento figurativo; 
  • Marca tridimensional: tipo de registro de marca específico que garante a proteção do formato de uma embalagem. Exemplo: embalagem do Yakult

Assim, é possível registrar logotipos como marca mista ou como marca figurativa, e o processo deverá seguir as etapas do INPI.   

É importante ressaltar, ainda, que durante o pedido de registro, o logotipo deverá ser anexado e o INPI determina padrões para a imagem que será enviada, que são:  

  • formato de arquivo válido: JPG;  
  • tamanho mínimo: 945 x 945 pixels (8 cm x 8 cm); 
  • resolução mínima: 300 dpis; 
  • tamanho máximo do arquivo: 2 MB. 

Conseguiu entender a importância de criar logotipo para sua empresa, além de registrá-lo junto ao INPI? São decisões estratégicas e que farão toda a diferença para o negócio. Além disso, não deixe de avaliar a contratação de profissionais especializados que possam auxiliá-lo em todo o processo para que você consiga criar um logotipo que represente a sua empresa da melhor maneira, bem como fazer o registro da sua marca.  

Sem comentários

Escreva o seu comentário

O que você quer fazer hoje?

Quero verificar se a minha marca está disponível para registro no INPI 
Já estou pronto(a) para iniciar o registro no INPI